home Direito e cidadania, Economia, Eleicoes, Esporte, Policia, Política Ministro de Dilma pediu opinião de João Santana sobre CPMF, mostram e-mails

Ministro de Dilma pediu opinião de João Santana sobre CPMF, mostram e-mails

Revelação do Expresso da Revista Época mostra que o Governo Dilma é uma tremendo desastre.

Também investigado pela Lava Jato, Edinho Silva, da Comunicação Social, pediu ajuda do marqueteiro para uma campanha pela volta do imposto

Edinho Silva (Foto: Elza Fiuza/Agência Brasil )
Edinho Silva (Foto: Elza Fiuza/Agência Brasil )

A prisão do marqueteiro João Santana pode atrapalhar os planos do governo federal em seu projeto de ampliar a arrecadação. Emails interceptados pela Polícia Federal, que fazem parte do acervo da Operação Acarajé, a 23ª fase da Lava Jato, mostram que Santana foi chamado a palpitar na recriação da CPMF, o imposto cobrado sobre movimentações financeiras, que o governo insiste em ressuscitar para sair do atoleiro financeiro.

O Palácio do Planalto chegou a utilizar e-mails do Gmail para repassar demandas ao marqueteiro. Numa das mensagens, uma funcionária encaminha uma planilha e um slide-show para o marqueteiro: “Doutor João, segue material a pedido da Pr (Presidente da República – no caso, Dilma Rousseff)”.

O ministro da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva (PT), trocou mensagens com João Santana sobre a ideia de recriar a CPMF (Foto: Reprodução)
O ministro da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva (PT), trocou mensagens com João Santana sobre a ideia de recriar a CPMF (Foto: Reprodução)

O ministro da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva (PT), outro investigado na Lava Jato, também trocou mensagens com Santana sobre a ideia de recriar a CPMF. Em uma dos conversas, em 27 de outubro, Edinho Silva usa sua conta pessoal de e-mail da Apple para falar com o marqueteiro:”João tudo bem? Estou mandando material da CPMF”. O material tinha sido repassado pelo então ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, para Edinho e outros ministros, como Ricardo Berzoini (Secretaria Geral) e Jaques Wagner ( Casa Civil), três horas antes.

Relatório da Polícia Federal destaca que o marqueteiro tinha “relação de muita proximidade” com a presidente Dilma Roussef, com ministros e com assessores de governo. Os investigadores destacaram que Edinho Silva, ministro da Comunicação Social, era quem falava com maior frequência com Santana.

Em outro e-mail, Edinho pede a “opinião” do marqueteiro sobre uma campanha para as Olimpíadas”:”A Presidenta pediu que eu ouvisse sua opinião sobre o que seria uma campanha para as Olimpíadas (essa ideia ou outra). Tomei a liberdade de mandar o que já temos, mas podemos começar do zero. Aguardo sua opinião”. Vai ter de esperar um pouco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *